Brasil

Quinta, 13 de abril de 2006, 22h36 
Corpo de empresário gaúcho que sumiu de helicóptero é encontrado

Uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) de Rio do Sul foi para Taió, no Alto Vale do Itajaí, em Santa Catarina, no início da noite desta quinta-feira para resgatar o corpo do empresário Adílio João dos Santos, 56 anos.

Segundo as primeiras informações do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar de Taió, o corpo do empresário não tinha sinais aparentes de decomposição, o que sugere que ele não teria morrido na queda do helicóptero e que pode ter sobrevivido por vários dias. A PM, no entanto, disse que isso só poderá ser confirmado pela equipe do IML.

Após duas semanas de buscas, o corpo de Adílio foi localizado às 14h30min, a 500 metros dos destroços do helicóptero que o empresário pilotava. Segundo a RBS TV, a aeronave estava em Laranjeiras, a 37 quilômetros do Centro de Taió.

O local é de difícil acesso, cerca de uma hora de caminhada no meio da mata. Um morador encontrou alguns pedaços do helicóptero e avisou a polícia.

Adílio João dos Santos havia saído de Porto Alegre no dia 31 de março. No mesmo dia, fez uma parada em Lages, no Planalto Serrano catarinense, para abastecer e seguir viagem até São Paulo. Mas o helicóptero desapareceu depois de decolar de Lages.

A família do empresário chegou a oferecer R$ 10 mil para quem tivesse alguma informação sobre o paradeiro da aeronave. As buscas foram mantidas durante os últimos 14 dias por terra, pelos rios da região e pelo ar.

Fonte: Site Terra editoria (Notícias > Brasil)